Dinheiro investido nem sempre é garantia de grandes conquistas


Vemos no futebol, principalmente nos dias de hoje, o alto investimento dos clubes em contratação de jogadores, com o dinheiro, em grande parte dos casos, vindo de grupos do Oriente Médio e de empresários. E com essas contratações, montam grandes elencos, com o intuito se tornarem gigantes no Futebol Mundial. Mas será que essa investimento sempre resulta em títulos, ou as vezes é em vão, e o time só ganha "nome", pois não consegue resultados satisfatórios? Abaixo, listarei alguns desses times que fazem/fizeram grandes investimentos nos últimos anos e como eles estão atualmente, e suas campanhas recentes.

Começaremos por um time que sempre teve tradição, em toda a sua história, o eneacampeão da Liga dos Campeões, Real Madrid. O clube Merengue, investiu cerca de nos seus principais jogadores, efetuando a primeira (Cristiano Ronaldo) e a terceira (Kaká) maiores contratações do Mundo da Bola, sendo que a segunda também é do Real. Este dinheiro teve pouco lucro pelo o que se esperava, grande parte disso, devido ao contemporâneo Barcelona quase invencível. O Time Merengue conquistou apenas 1 Espanhol, 1 Copa do Rei e 1 Supercopa desde 2009, onde os investimentos começaram a ser feitos.

Assim como Real Madrid, outro time, desta vez Inglês, teve um alto investimento após a compra do clube pelo grupo Abu Dhabi United Group de propriedade do Sheikh Mansour bin Zayed Al Nahyan. Um exemplo disso foi a contratação de Robinho (€40 milhões). Ao todo, o investimento pelos na temporada 2010-2011 dos Sky Blues ultrapassou o valor de £120 milhões (equivalente a R$ 330 milhões). Lembrando que o time ainda contratou Aguero por €45 milhões (R$101 milhões). Os frutos desse grande investimento foram bons, mas pouco pelo dinheiro investido. Depois desse investimento, o City venceu o Campeonato Inglês após 44 anos de jejum (diga-se de passagem, de forma emocionante), uma Copa da Inglaterra e uma Supercopa (parecido com o Real Madrid), conseguiu ir para a Liga dos Campeões nas duas últimas temporadas, porém foi eliminado na fase de grupos em ambas, sendo que na última não foi nem para a Europa League, ficando em último lugar no Grupo da Morte. Hoje, o Manchester City é o time mais rico do mundo, a frente do Real Madrid.

Indo para o França, o Paris Saint-Germain chegou depois nesse grupo, no ano de 2011, onde foi comprado por um grupo do Emirados Árabes Unidos, tendo como presidente o qatariano Nasser Al-Khelaifi, e fez boas contratações como Pastore, Thiago Motta e Alex, sendo que as principais, as transferências, como a contratação de Ibrahimovic e do brasileiro Thiago Silva, ambos do Milan (mudanças que prejudicaram o time italiano), foram feitas somente em 2012. O clube ainda contratou Beckham do LA Galaxy e Lucas do São Paulo neste ano. Os resultados neste curto espaço de tempo são razoáveis. A temporada 2011/2012 foi ruim, não ganhando nada, enquanto na atual, com os seus principais reforços, chegou as quartas da Liga dos Campeões (eliminado pelo Barcelona) e ganhou antecipadamente o Campeonato Francês.

Encerrando esta galeria, mostrando que o dinheiro pode gerar bons frutos, vamos falar do Chelsea, clube que conquistou a sua primeira Liga dos Campeões. Estes resultados do Chelsea são a longo prazo, sendo que o time foi comprado em 2003 pelo bilionário Romam Abramovich (que também é dono do CSKA Moscou através de uma de suas empresas), investindo logo de cara mais de 100 milhões de libras, além de pagar uma dívida de 80 milhões de libras. Em 2004, foram mais 166 milhões de libras em contratações, enquanto nos anos seguintes também tiveram investimentos considerados. No ano de 2011, o Chelsea contratou o brasileiro David Luiz por £25 milhões e Fernando Torres por £58 milhões. O resultado de tanto investimento, a longo prazo, foi bom, ainda mais comparando com um Chelsea que havia ganhado poucos título em relação a estes últimos anos. Foram ao todo, uma Liga dos Campeões (a única), 3 títulos do Campeonato Inglês, 4 Copas da Inglaterra, 2 Copas da Liga Inglesa e duas Supercopa da Inglaterra, além da Liga Europa conquista nesta última temporada. Neste período, o clube londrino conquistou metade dos seus principais títulos que o time possui.

Isso prova, que as vezes muito dinheiro traz grandes títulos, e as vezes não quanto o esperado. Porém, o melhor a se fazer e investir na base, como é o caso do Bayern de Munique, Barcelona e Borussia Dortmund (todos esses, ao lado do Real Madrid, foram os semi-finalistas da Liga dos Campeões atual), que vem fazendo grandes campanhas. O Barcelona tendo esta época recheada de título, enquanto Bayern e Borussia "mandando" na Alemanha, e fazendo a final da Liga desta temporada, goleando os espanhóis nas semi-finais. Sendo que não só essas duas, mas como a maioria dos times alemães, investem em suas categorias de base.

P.S: O novo rico do pedaço, o Monaco, vem fazendo grande investimentos, vamos ver se darão frutos ou se será apenas dinheiro "jogado fora".


Acompanhe sempre o nosso blog, assine o nosso feed. Também não perca nenhuma postagem e fique sempre ligado em nosso blog. Curta a nossa página do facebook, siga-nos pelo twitter e circule-nos no Google +.

Por Patryck Leal
Texto de: FC Gols

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário

Regras para a comunicação:
Aqui é um ambiente para se discutir futebol com paz, por isso não utilize palavrões, xingamentos e outras atitudes baixas. Vamos manter o nível.

Agradeço pela visita, volte sempre!

About us