terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Corinthians sobe para o terceiro lugar no ranking da Conmebol


O Corinthians foi o grande destaque da última edição do ranking de clubes da Conmebol. Com o título do Mundial, o clube do Parque São Jorge subiu cinco posições e passou para o terceiro lugar, atrás de Universidad de Chile e Santos.

A lista leva em conta, além do Mundial, as competições organizadas nos últimos cinco anos pela confederação sul-americana (Libertadores, Copa Sul-Americana, Copa Suruga e Recopa). A lista leva em conta os resultados, a fase alcançada e o status de cada torneio para definir a pontuação.

Com os títulos do Mundial e da Libertadores o Corinthians está onde nunca esteve no ranking. Mas o tropeço histórico contra o fraco Tolima, na pré-Libertadores do ano passado. também custou caro para o clube na lista. Bastava ganhar um jogo do Tolima, passar para a fase de grupos e lá vencer dois dos seis jogos e empatar um que o Corinthians já teria pontuação suficiente para ultrapassar o Santos, o segundo colocado.

Uma campanha razoável, quatro vitórias e dois empates na primeira fase e eliminação nas oitavas com uma vitória, seria suficiente para o Corinthians estar hoje à frente da Universidad de Chile. Em 2013, o Corinthians tem nova chance de alcançar o topo, já que irá disputar também a Recopa. E ainda terá a vantagem de ver o Santos de Neymar fora da Libertadores.

Além de Santos e Corinthians, o futebol brasileiro tem outros dois clubes entre os top 10, Internacional, na quarta posição, e São Paulo, em oitavo. O melhor argentino é o Vélez Sarsfield, em sexto.

Confira os 15 primeiros e o desempenho dos brasileiros no ranking da Conmebol:

1º U. de Chile (CHI) 482.95
2º Santos (BRA) 449.60 
3º Corinthians (BRA) 421.60
4º Internacional (BRA) 420.98

5º LDU (EQU) 401.31
6º Vélez Sarsfield (ARG) 328.98
7º Libertad (PAR) 324.34
8º São Paulo (BRA) 315.96
9º Estudiantes (ARG) 305.58
10º U. Católica (CHI) 276.05
11º Boca Juniors (ARG) 252.62
12º Independiente (ARG) 251.26
13º Cerro Porteño (PAR) 224.44
14º Fluminense (BRA) 218.84 
15º Cruzeiro (BRA) 208.80

16º Desportivo Quito (EQU) 200.73
17º Emelec (EQU) 192.00
18º Nacional (URU) 183.10
19º Grêmio (BRA) 176.50

20º Peñarol (URU) 169.50
21º Palmeiras (BRA) 148.07
22º Flamengo (BRA) 146.52
23º Vasco (BRA) 145.12
41º Botafogo (BRA) 76.16
44º Goiás (BRA) 73.10
65º Atlético-MG (BRA) 44.20
73º Atlético-GO (BRA) 32.30
76º Sport (BRA) 29.60
79º Avaí (BRA) 27.54
83º Coritiba (BRA) 23.80
88º Vitória (BRA) 21.76
99º Atlético-PR (BRA) 17.00
102º Figueirense (BRA) 15.30
105º Ceará (BRA) 13.60
113º Bahia (BRA) 08.50
122º Grêmio Barueri (BRA) 07.14


Por ESPN.com.br
Texto de: ESPN.com.br

2 comentários:

  1. Boa tarde a todos, gosto deste critério, pelo fato de valorizar uma sequencia dos clubes, ou seja organização e planejamento!

    www.assuntodofutebol.com.br

    ResponderExcluir
  2. Fábio Fernandes,

    Um exemplo é que mesmo o Flamengo tendo Libertadores está atrás do Fluminense que não tem, porém tem feito boas campanhas (e ido) frequentemente na Libertadores.

    Abraços.

    ResponderExcluir

Regras para a comunicação:
Aqui é um ambiente para se discutir futebol com paz, por isso não utilize palavrões, xingamentos e outras atitudes baixas. Vamos manter o nível.

Agradeço pela visita, volte sempre!