sábado, 28 de julho de 2012

Brasil tem o melhor início em todos os tempos em Olimpíadas

O esporte brasileiro jamais teve um dia de sonho como esse primeiro dia de competição em uma Olimpíada. Três medalhas e o quarto lugar no quadro de medalhas, inclusive chegamos a liderar por uma hora, pois é o melhor começo do país em uma Olimpíada. Assim o Brasil começa muito bem sua participação, mas nem tudo foi alegria. Perdemos no basquete e Diego Hypólito tropeçou de novo.

A primeira medalha do país nas Olimpíadas foi o Bronze, que veio com Felipe Kitadai, que faz aniversário hoje. Já Sarah Menezes conquistou o histórico ouro. Clique aqui e confira mais detalhes.

Thiago Pereira abocanha prata e Michael Phelps nem passa perto do pódio:

Jorge Silva/ Reuters e Lavandeira Jr/EFE

Thiago Pereira comemora sua medalha de prata nos 400m medley Foto: Reuters

Quem esperava ver Michael Phelps brilhar nos 400 m medley acabou vendo Ryan Lochte levar com facilidade os 400 m medley, mas quem teve mais motivos para sorrir foi Thiago Pereira. Em sua terceira Olimpíada, o maior medalhista em Jogos Pan Americanos finalmente marcou seu gol, depois de bater na trave duas vezes e conquistou uma brilhante medalha de prata com o tempo de 4min08s86/100. Phelps acabou ficando de fora do pódio sendo superado pelo japonês Kosuke Hagino que ficou com a medalha de bronze. O Brasil ainda teve Felipe França e Felipe Lima disputando os 100 m peito, mas ambos foram eliminados na semifinal. Daynara de Paula também não avançou nos 100 m borboleta e Joanna Maranhão acabou tendo um mal súbito, cortou o supercílio direito e não participou das eliminatórias dos 400 m medley.

Seleção de futebol feminino vence a segunda:

François Lenoir/ Reuters

 Jogadoras brasileiras comemoram o gol de Cristiane Foto: Reuters

Num jogo fraco, o Brasil venceu a Nova Zelândia por 1 x 0 na cidade de Cardiff, no País de Gales pela segunda rodada do torneio de futebol feminino. O gol foi marcado por Cristiane. Agora oBrasil decide na terça o primeiro lugar da chave contra a Grã Bretanha que passou por Camarões.

Estreantes da ginástica começam bem e Diego Hypólito fracassa novamente:

Arthur Zanetti, Mundial de Tóquio (Foto: AP)


Diego Hypolito cai durante apresentação no solo e é eliminado Veja o especial dos Jogos Olímpicos

Os estreantes brilharam no primeiro dia de competições da ginástica artística na North Greenwich Arena. Arthur Zanetti e Sérgio Sassaki se destacaram. Zanetti que vem obtendo bons resultados este ano ficou com a quarta colocação nas argolas, já Sassaki fez bonito e fechou a fase de classificação no individual geral na 11ª colocação. Com apenas 20 anos ele fez um bom somatório de pontos e com atuação segura nos seis aparelhos ele já está entre os 24 melhores ginastas do mundo. Já Diego Hypólito decepcionou novamente no solo. Como em Pequim, há quatro anos atrás, nosso melhor ginasta acabou caindo durante sua apresentação e com uma nota muito baixa está fora da briga por medalhas. Depois, admitiu que amarelou e assumiu a culpa.

Apagão no último quarto custa caro pras meninas do basquete:

Getty Images


Erika tenta bandeja para marcar mais dois pontos para o Brasil  Foto: Getty Images

O Brasil vinha jogando bem contra a França, mas um apagão no último quarto da partida acabou custando muito caro e a seleção acabou perdendo pros franceses por 73 x 58. A pivô Érika foi a melhor jogadora da equipe que sentiu a falta de Iziane. Dumerc foi a cestinha da partida com 23 pontos. O próximo compromisso da seleção feminina será na segunda diante da Rússia.

O desempenho dos brasileiros:

- No tênis de mesa, Hugo Hoyama foi derrotado pelo polonês Zengyi Wang por 4 x 3, depois de estar vencendo por 3 x 1 e Gustavo Tsuboi também foi eliminado ao perder para o indiano Soumyajit Ghosh, entre as mulheres, Lígia Silva e Caroline Kumihara foram eliminadas depois de passar pelas preliminares;


- No handebol feminino, a seleção feminina venceu a Croácia por 24 x 23;

- No boxe, Robenílson Vierira derrotou Shayimov Orzubek do Uzbequistão por 13 x 7;

Marcelo Del Pozo/Reuters




- No vôlei de praia duas vitórias: Juliana e Larissa passearam e venceram com facilidade a dupla das Ilhas Maurício por 2 sets a 0 (21-5 e 21 - 10). No masculino, Ricardo e Pedro Cunha venceram os noruegueses Skarlund e Spinnangr por 2 sets a 0.

- No tênis, uma vitória e uma derrota no torneio de duplas. Marcelo Melo e Bruno Soares venceram John Isner e Andy Roddick por 2 sets a 0, já Thomaz Bellucci e André Sá foram derrotados pelos irmãos Bryan e estão fora.

Quadro de medalhas:

PaísOuroPrataBronzeTotal
China4026
Itália2215
EUA1225
Brasil1113
Coreia do Sul                     1113
Austrália1001

Um comentário:

Regras para a comunicação:
Aqui é um ambiente para se discutir futebol com paz, por isso não utilize palavrões, xingamentos e outras atitudes baixas. Vamos manter o nível.

Agradeço pela visita, volte sempre!