Varela salva Portugal, e Super Mario Gomez faz dois contra Holanda pela Euro 2012

Portugal 3 x 2 Dinamarca:

O grande astro da Euro, Cristiano Ronaldo mais uma vez jogou mal, e quase se transformou em vilão do jogo.
O jogo entre Portugal e Dinamarca, na Arena Lviv, Ucrânia, foi emocionante. Desde o começo da partida, a equipe lusitana buscou o jogo e teve as melhores chances. Aos 17,  C. Ronaldo, achou uma brecha na defesa dinamarquesa e chutou pra fora. Pouco depois, aos 20, o próprio CR7 cobrou falta, mas a bola foi muito alta.
   
O gol saiu aos 24, João Moutinho, do Porto, cobrou escanteio pela esquerda, Pepe se antecipou à zaga dinamarquesa e, de cabeça, marcou um gol brasileiro na Eurocopa.
Aos 35, a bola chegou aos pés de Nani, que rolou para Hélder Postiga, de primeira, chutar colocado e marcar o segundo gol lusitano.

Mesmo após os gols, a Dinamarca não desanimou, e aos 41, após lançamento para Krohndehli ajeitou de cabeça para Bendtner, que de cabeça também, empurrou para o gol. 


No segundo tempo, a Dinamarca buscava o empate, tocando a bola, e Portugal buscava o jogo nos contra ataques. E foram justamente esses contra ataques que fizeram C. Ronaldo se tornar o quase vilão português do jogo. 
Em um contra-ataque, CR7 avançou  com total liberdade, ficou cara a cara com goleiro, podia driblar, mandar de cobertura, mas chutou em cima de Andersen, que fez boa defesa.
Aos 17, numa sobra de escanteio, Kvist, de fora da área, emendou de primeira, mas a bola passou do lado do gol, perto do ângulo. Bendtner também tentou, dominou bonito e bateu com a esquerda, mas a bola passou ao lado da meta do goleiro Rui Patrício. A Dinamarca pressionava Portugal em busca do empate.
Gol de Varela - Dinamarca x Portugal (Foto: Anne-Christine Poujoulat/AFP)   
Em mais um contra ataque lusitano, C. Ronaldo apareceu livre na área, e cara a cara com o goleiro, chutou pra fora. Um gol bobo perdido pelo 2º melhor jogador do Mundo.


Pouco depois do grande erro de CR7, Bendtner cabeceou para o gol de empate da Dinamarca.

O técnico Paulo Bento então sacou Raul Meireles, que estava amarelado, e trocou por Varela. A substituição foi certeira. Aos 42 minutos, após cruzamento, Varela furou o chute com a esquerda, mas se redimiu e com a direita mandou forte, no canto, golaço. Varela salvou Portugal, salvou CR7 e foi o herói do jogo, opá.
     

Alemanha 2 x 1 Holanda:


Um clássico, um jogão pela Eurocopa. Alemanha tinha Ozil, Podolski, Neuer, Schweinteiger, Mário Gomez, entre outros. Holanda tinha Sneijder, Stekenleburg, Robben, Van Persie...
Muller comemora gol da Alemanha


Para a Holanda chegar ao gol, o melhor caminho era pelo meio, com Sneijder organizando a casa, ou com Robben em velocidade pela direita. O destino sempre para Van Persie. Em 10 minutos, houve três chances de gol dos dois lados. E a vantagem aí foi laranja.


Van Bommel, o incansável camisa 6, caprichou no longo lançamento para Van Persie, que resolveu bater de primeira em vez de dominar para colocar. Jogou a chances nas mãos de Neuer.       
Aproveitando rebatida errada de Van Bommel, Ozil bateu com a sua certeira canhota. A bola tocou na trave e depois em Stekelenburg.

Numa daquelas arrancadas da direita para o meio, Robben deixou Lahm para trás e serviu Van Persie, que mais uma vez falhou e tocou para fora.
Mario Gomez mostrou por que é o titular hoje da posição e deixou Klose no banco da seleção alemã. Tudo bem que ter um Schweinsteiger no time é uma vantagem e tanto. O camisa 7 , serviu com açúcar o camisa 23, Gomez girou bonito como se jogasse futsal e bateu sem defesa para Stekelenburg, aos 23 minutos.

De um lado, alemães fizeram festa


Com Schweinsteiger bem posicionado, Ozil e Thomas Müller tocando rápido e a Holanda mais desarvorada com a desvantagem, a Alemanha ficou cirúrgica. A marcação a Robben melhorou. Lahm e Khedira se acertaram por ali.  Do lado direito, a equipe se aproveitava da pouca experiência do novato Willems. Em falta por ali, Ozil cobrou na cabeça de Badstuber, mas Stekelenburg salvou a pátria laranja.
No minuto seguinte, ali mesmo, pela direita, em nova troca de passes, Schweinsteiger repetiu a dose e serviu Mario Gomez. O tiro certeiro, cruzado, decretou a boa vantagem na primeira etapa: 2 a 0, aos 37 minutos.

No segundo tempo, aos 6 minutos, Hummel arrancou até a área holandesa e obrigou Stekelenburg a duas grandes defesas.
Van Persie obrigou Neuer a grande defesa, aos 12 minutos. Sneijder surpreendeu de longe. Coube a Neuer apenas torcer para a bola sair. E a torcida do goleiro deu certo. A Holanda buscava o empate a todo custo.
De outro lado, os Holandeses ficaram tristes, pois podem ser eliminados precocemente na Euro2012
Aos 27 minutos, Van Persie ao receber de Robben, arrancou pela meia esquerda e bateu sem defesa para Neuer.   No fim, o goleiro Stekelenburg ainda se complicou, quase dando um gol para Klose no fim. Já no desespero, a Holanda não conseguiu o empate.        

Related Articles

2 comentários:

  1. A Holanda ficou numa sinuca de bico: precisa vencer Portugal e torcer pra Alemanha ganhar da Dinamarca para ficar com a vaga. Acho difícil, mas não é impossível.

    ResponderExcluir
  2. A Holanda está quase eliminada. De grande favorita a precisar de uma combinação para passar em segundo, mas se passar, irá para a próxima fase com moral. Assim é o Grupo da Morte.

    ResponderExcluir

Regras para a comunicação:
Aqui é um ambiente para se discutir futebol com paz, por isso não utilize palavrões, xingamentos e outras atitudes baixas. Vamos manter o nível.

Agradeço pela visita, volte sempre!

About us