segunda-feira, 12 de março de 2012

Ricardo Teixeira deixa definitivamente a presidência da CBF



Ricardo Teixeira, que comandava a CBF desde 1989, renunciou a presidência da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do Comitê Organizador da Local (COL) da COpa do Mundo de 2014.

"Deixo definitivamente a presidência da CBF com a sensação de dever cumprido", escreveu Teixeira em carta lida nesta segunda-feira por José Maria Marin que agora assume o comando da CBF.

"Presidir paixões não é uma tarefa fácil em nosso país. Futebol é associado a duas imagens: talento e desorganização. Quando ganhamos exaltam o talento, quando perdemos, a desorganização. Fiz o que estava ao meu alcance, renunciei à saúde. Fui criticado nas derrotas e subvalorizado nas vitórias", acrescentou.

4 comentários:

  1. Já estava mais do que na hora dele sair.

    ResponderExcluir
  2. Não preciso nem comemorar esse feito, mas quero só ver o sucessor dele. Não vejo o Marín com condições de assumir o cargo.

    BLOG

    As quedas dos 'Impérios do terror'



    TWITTER E FACEBOOK

    @gabrieltramarin

    /GabrielTramarin


    ResponderExcluir
  3. Até que em fim,chega de roubalheira na CBF.

    ResponderExcluir
  4. Como disse o Romário, esse câncer foi exterminado, agora vamos ver se o Marin não faz as mesmas presepadas. Precisamos de gente decente pra comandar o nosso futebol , pois a quase dois anos da Copa do Mundo não temos time pra brigar pelo título, é o que eu penso.

    ResponderExcluir

Regras para a comunicação:
Aqui é um ambiente para se discutir futebol com paz, por isso não utilize palavrões, xingamentos e outras atitudes baixas. Vamos manter o nível.

Agradeço pela visita, volte sempre!